Páginas

terça-feira, 13 de março de 2018

Educadoras realizam encontro com Dilma e lançam 'Enciclopédia do Golpe'

Evento promovido pela Apeoesp nesta quarta discute educação, resistência feminina e democracia. Faz desagravo à ex-presidenta e lança livro que detalha papel da mídia para derrubá-la
Dilma Rousseff
A ex-presidenta Dilma Rousseff participa na noite desta quarta-feira (7) de um encontro em São Paulo promovido pela Apeoesp, o sindicato dos profissionais de educação da rede pública estadual. O evento, que começa às 18h, no Clube Homs, na Avenida Paulista, tem como ponto de partida um debate sobre educação, direitos e democracia, celebrará avanços alcançados pelas lutas das mulheres nos últimos anos e reafirmará o momento de resistência ao período de agressões a direitos sociais e trabalhistas por que passa o país, e que atingem especialmente a população feminina.
Será também uma noite de "desagravo" à ex-presidenta, segunda a organizadora, deposta por um "impeachment fraudulentoe sem prática de crime que o motivasse". A ex-ministra da Secretaria de Políticas para Mulheres, Eleonora Menicucci, também fará parte da mesa, ao lado de Dilma e da presidenta da Apeoesp, Maria Izabel de Azevedo Noronha, a Bebel.
Eleonora é autora de um dos 28 verbetes que compõem o livro Enciclopédia do Golpe – O Papel da Mídia. Seu texto aborda a face misógina e machista da composição do golpe de 2016. A obra é o segundo volume da Enciclopédia.
O primeiro tomo foi lançado em novembro, com diversos artigos sobre o desempenho do sistema de Justiça na deposição de Dilma. Neste segundo volume, especialistas em diversas áreas de atuação, e que conhecem o mundo da mídia por dentro e por fora, destrincham os métodos, técnicas e estratégias que fizeram dos donos dos meios de comunicação outro alicerce fundamental do golpe de 2016.
Enciclopédia do Golpe

Nenhum comentário:

Postar um comentário